domingo, 30 de abril de 2017

Sobre o inexplicável, paixões e outras maluquices

A vida é maravilhosa e a minha apesar de seus avessos, insiste em me provar que é! Todos os dias as pessoas tocam meu coração de alguma forma, e eu permito. Há tempo tirei a blindagem afim de sentir mais, de amar mais, me doar mais, ser mais humana! Entre tantos encontros e conexões, ocorreu este, lindo e sincero. 



"De dentro pra fora ela me faz em brasas ... São fortes convicções e uma segurança que me dá segurança ! Entenda a bagunça dessas palavras, porque é isto que ela faz em mim!
Talvez seja ela o sopro de Vida prometido por ser resiliente tanto tempo... 
Os olhos muitas vezes parece não acreditar no que o coração sente e eu fico estática, tentando racionalizar o que não pode ser racional o que não deve ser racional.
Entre nós não há Tempo nem Distância ... somos o Estar ... e ela mesma acredita na inexistência deste tal "Período continuo onde os eventos se sucedem."   
Não sinto como se a conhece-se de outras vidas... ela é nova, tudo nela é novo ... o nosso encontro foi aqui! 
E foi inesperado, inexplicavelmente simples... nosso olhos não se encontram e ainda assim nossas almas se afagaram! 
Em anos, o que tenho pra hoje é tão inesgotavelmente delicioso que não sobra "Tempo" pro amanhã, como disse somos o "Estar" e isto nunca me pareceu tão completo! 
Os dias cinzas parecem lindos, o caos a arrumação mais perfeita... os meus dias mudaram! 
São Paulo ganhou o que faltava... ganhou cheirinho de amor... Sim! 
Eu gostaria de agradecer por me deixar enxergar a lindeza que é a sua alma, e por estar comigo neste encontro, por ser este encontro! 
Minha vida é escrita em um grande livro que você pausou pra incluir algumas partituras musicais... e isto será fantástico! 

A você.

By: P.C"

Nenhum comentário:

Postar um comentário